Arquivo de setembro de 2014

Palmeiras: até, quem sabe, um dia

Vou ser sincero desta vez. O problema não sou eu, é você. Não acho que mudei tanto desses anos todos pra cá. Mas você mudou. Você está irreconhecível. A ponto de eu não me reconhecer mais em você. Há doze anos, você pediu que eu ficasse do seu lado. Eu fiquei. Cantei para você. Defendi […]