Arquivo de maio de 2006

que não seja teu o mundo onde o amor morreu.