Arquivo de julho de 2010

O austero Tarantino

“À Prova de Morte” é uma saga tarantinesca clássica. Mas, por outro lado, é possível observar uma diferença entre esta e as outras obras de Quentin Tarantino: a ausência do apelo pop. Apesar de conter doses generosas de música, violência e ironia, o filme carece daquilo que transformou “Kill Bill” e “Pulp Fiction” em verdadeiros […]