Arquivo de novembro de 2011

a voz que canta ao fundo

Tenho duas questões breves a tratar aqui. Breves pois minha eloquência transmutou-se em algo ainda ignoto. Subiu no telhado. Só espero não ter batido com as botas. A primeira é que (eu espero não ter falado disso aqui antes) há muitas vantagens em chegar aos umbrais dos 30 anos, e uma delas é conhecer com [...]